home
Equipe   |   Sobre a Rádio Bandeirantes   |   Podcast   |   Fale Conosco     
Notícias      Colunistas       Fotos       Especiais       Programação       Escola Voluntária       Serviços      Comercial
     Política   |   Economia   |   Esportes   |   Saúde   |   Outras Notícias

FALE COM A RB


RB NO CELULAR

Saiba mais

PROGRAMAS
  Manual de Sobrevivência
  Antenados
  A Caminho do Sol
  Arquivo Musical
  Bandeirantes Acontece
  Carnaval 2015
  Chansons D`Amour
  Ciranda da Cidade
  Concentração
  Domingo Esportivo Bandeirantes
  Esporte em Debate
  Esporte Notícia
  Esporte Notícia Internacional
  Fôlego
  Jornal da Hora
  Jornal de Amanhã
  Jornal do Sábado
  Jornal em Três Tempos
  Jornal Gente
  Jornal Primeira Hora
  Manhã Bandeirantes
  Memória
  Na Estrada
  Na Geral
  O Pulo do Gato
  Pole Position
  Rádio Livre
  Sábado de Classe
  Sofá Bandeirantes
  Terceiro Tempo
  Você É Curioso?
COLUNISTA - Claudio Humberto - Política
Azedaram as relações do presidente do TSE, ministro Dias Toffoli, com Dilma Rousseff
enviado em Quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015 - 11h06
Assim como há sete meses ela não consegue escolher o substituto de Joaquim Barbosa no Supremo Tribunal Federal, não se define quanto a outra vaga no TSE, ignorando o apoio de Toffoli à recondução de ministro Henrique Neves. Tampouco escolhe outro, deixando o TSE desfalcado de um ministro.

A indecisão de Dilma deve prejudicar ainda mais o TSE: nesta quinta (26) se encerra o mandato da ministra Luciana Lóssio.

O ex-presidente Lula até já interferiu, chamando a atenção de Dilma para a necessidade de preencher as vagas no Supremo e no TSE.

Toffoli acertou no Supremo que só será definida a lista tríplice para a vaga de Lóssio quando Dilma preencher a vaga de Henrique Neves.

Ouça agora
Download
Dilma Rousseff reservou apenas 780 mil reais em prevenção ao combate a corrupção
enviado em Quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015 - 10h57
A presidente Dilma Rousseff reservou apenas 780 mil reais em prevenção ao combate a corrupção, ao longo do ano de 2014, exatamente o ano do Petrolão.

Esse montante investido pelo governo Dilma, durante todo o ano para a prevenção a corrupção - 748 mil reais - é o menos aplicado pelo Governo Federal na gestão do PT.

Ouça na íntegra.

Ouça agora
Download
Diretores de estatais do setor elétrico fixaram modelo de negócio vulnerável à corrupção
enviado em Sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015 - 18h38
Além da incapacidade de realizar projetos de geração e transmissão, diretores de Engenharia de estatais do setor elétrico como Eletrobras, Eletronorte, Eletrosul, Chesf e Furnas, prepostos do PT, fixaram um modelo de negócio vulnerável à corrupção.

Diretores de engenharia de estatais do setor elétrico fixaram modelo de negócio vulnerável à corrupção

Eles definem projetos, fazem ?chamamento? (e não licitação) e escolhem parceiros de EPEs (Empresas de Propósito Específico) constituídas para a execução das obras. Apesar de ?minoritárias? nas EPEs, as estatais é que mandam.

As empresas escolhidas pelos diretores petistas ficam com 51% das EPEs e as estatais com 49%. Por isso, a EPE é considerada privada.

Apesar dos 49% da EPE, estatais do setor elétrico, por seus diretores de Engenharia, definem tudo, principalmente contratos. Sem licitação.

Na estatal Chesf, o PT ?aparelhou? de 34 das 52 EPEs, indicando como diretores militantes incapazes, impondo ritmo de cágado às obras.

Tanta incapacidade provocou atraso em 272 obras na área de energia e prejuízo R$ 65 bilhões ao Brasil, segundo estudo da Firjan.

Ouça agora
Download
Diretores de engenharia de estatais de energia tornaram o setor elétrico um dos mais ineficientes
enviado em Quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015 - 18h32
Poderosos diretores de Engenharia de estatais de energia do governo federal, todos prepostos do PT, apesar de mandarem em tudo até à revelia dos respectivos presidentes, tornaram o setor elétrico um dos mais ineficientes, como indica o risco de colapso no fornecimento de energia.

Os negócios bilionários prosperam, mas não as obras. Um dos casos mais gritantes é o da Chesf, segundo avaliação de especialistas.

Sinal eloquente da ineficiência da Chesf é a quase paralisia dos seus 52 milionários projetos de transmissão de energia eólica.

Só no projeto Casa Nova, de geração de energia eólica, a Chesf investiu mais de R$ 600 milhões, e ainda não produziu um só quilowatt.

O diretor de Engenharia da Chesf, José Ailton, chegou ao cargo por ser ligado a um deputado federal do PT-PE, derrotado nas urnas em 2014.

Ouça agora
Download
O escândalo nas estatais do setor elétrico surpreenderá prepostos do PT controlando negócios
enviado em Quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015 - 10h56
O escândalo nas estatais do setor elétrico, anunciado pelo ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, sob delação premiada, surpreenderá prepostos do PT controlando os negócios bilionários na Eletrobrás, Eletronorte, Eletrosul, Furnas e Chesf.

Diretores de Engenharia, todos do PT, mandam mais que os presidentes, definindo políticas, parcerias e principalmente contratos e licitações. No setor, essa turma é chamada jocosamente de ?D?Artagnan e seus três mosqueteiros?.

O grupo de ?D?Artagnan? controla os bilhões gastos em obras de geração e distribuição. Só têm obras quem cai nas graças do grupo.

O chefão, ?D?Artagnan?, é Valter Cardeal, diretor de Engenharia da Eletrobras. Nem o presidente da estatal questiona suas decisões.

Poderoso diretor de Engenharia é Ademar Palocci (Eletronorte), irmão do ex-ministro Palocci, influente ?interlocutor? de Lula no empresariado.
Ronaldo Custodio (Eletrosul), José Ailton (Chesf) e Flávio Martins (Furnas) completam o time petista que controla negócios das estatais.

Ouça agora
Download
Colunas  
- Adriana Gomes - Carreira em Foco
- Alexandre Faisal - Saúde da Mulher
- Álvaro José
- Célia Horta
- Cesar Monteiro
- Claudio Humberto - Política
- Claudio Zaidan - Entendendo a notícia
- Conversa com Luiz Felipe Pondé
- Cristina Menna Barreto - Tá na Mesa
- Delfim Netto
- Educação em Pauta
- Gilbert Stein - A la Page
- Izabelle Stein - Conversa de Mãe
- Joel Leite
- José Alberto Paiva Gouveia - Pára no Posto
- José Paulo de Andrade
- José Silvério
- Kelly Ferreira - Esportes de Ação!
- Linha Direta com a Justiça
- Luís Artur Nogueira
- Luiz Costa - Em bom português
- Mauro Beting
- Marcelo Pascon - Ative Games
- Marcelo Pascon - Smart RB
- Maurício de Souza Lima
- Milton Blay
- Milton Neves
- Neto
- Rafael Colombo - Multicidade
- Tatiana Bassi