home
Equipe   |   Sobre a Rádio Bandeirantes   |   Podcast   |   Fale Conosco     
Notícias      Colunistas       Fotos       Especiais       Programação       Escola Voluntária       Comercial
     Política   |   Economia   |   Esportes   |   Saúde   |   Outras Notícias

FALE COM A RB


RB NO CELULAR

Saiba mais

PROGRAMAS
  90 Minutos
  Antenados
  A Caminho do Sol
  Arquivo Musical
  Bandeirantes Acontece
  Bastidores do Poder
  Chansons D`Amour
  Concentração
  Domingo Esportivo Bandeirantes
  Esporte em Debate
  De Primeira
  Esporte Notícia Internacional
  Fôlego
  Jornal de Amanhã
  Jornal Gente
  Jornal Primeira Hora
  Memória
  Na Estrada
  O Pulo do Gato
  Pole Position
  Rádio Livre
  RádioDoc
  RB News
  Resenha, Futebol e Humor
  Sábado de Classe
  Terceiro Tempo
  Você É Curioso?
» Quinta-feira, 20 de abril de 2017 - 10h04
Exclusivo: Pai da funcionária fantasma da Alesp é demitido
Três dias após a denúncia da Rádio Bandeirantes, o pai da "funcionária fantasma" nomeado no lugar dela é demitido pelo deputado estadual Davi Zaia.

O anúncio foi feito pelo presidente nacional do PPS, o ministro da Cultura, Roberto Freire, que coordenou pessoalmente a decisão.

Ele foi "cobrado" por um ouvinte da Rádio Bandeirantes pelo Twitter e, depois de comunicar a exoneração, o ministro definiu as contratações feitas pelo deputado como "grave erro".

Entenda o caso:

A reportagem da Rádio Bandeirantes acompanhou, durante um mês, a rotina de Michelle Menechini Camargo, até então assessora parlamentar do deputado estadual de São Paulo Davi Zaia (PPS).

Prestes a se formar em biomedicina, Michelle estudava de manhã e trabalhava à tarde em um laboratório de Alphaville, quase não tendo tempo para exercer seu cargo na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (ALESP).

O próprio pai de Michelle, o coronel da Polícia Militar Rogério Cabral Camargo, confirmou os horários da filha incompatíveis com o trabalho dela como assessora parlamentar. Por telefone, a reportagem conseguiu localizar Michelle, que se recusou a falar sobre o assunto.

Irritado, o pai tentou explicar que a filha compensaria as faltas na Assembleia durante a semana, exercendo sua atividade durante os finais de semana e também nos feriados. Rogério ainda tentou intimidar a reportagem, lembrando que é oficial da Polícia Militar e que "possui contatos" dentro da emissora.

O deputado Davi Zaia conversou com a Rádio Bandeirantes e anunciou uma decisão no mínimo inusitada diante dos fatos: exonerou Michelle do cargo e colocou em seu lugar o pai, o coronel da PM. O parlamentar disse que foi uma "troca normal" e garantiu que "o pessoal trabalha".

Repórter Agostinho Teixeira


Ouça agora:
Download: